Microsoft Teste Manager – Primeiros Passos

Com práticas ágeis como o teste de unidade, revisões de código e atenção adequada aos requisitos, erros podem ser evitados ou encontrado cedo no ciclo de vida da aplicação.

Não importa o quão talentoso da equipe de desenvolvimento, erros são inevitáveis ​​em todos os esforços de codificação de software. Como um projeto cresce, torna-se mais complexa, não só porque mais e mais linhas de código são escritos, mas também porque o software tende a mudar ao longo do tempo. Requisitos são adicionados e alterados, erros são encontrados e corrigidos, e de nossos clientes muda o produto uma característica pequena de cada vez.

Bem o Microsoft Test Manager cobre exclusivamente os Testes de Sistema e Testes de Aceitação de Usuário. Ai você diz que entendeu tudo. Vamos explicar.

Teste de Sistema tem como finalidade avaliar o software em busca de falhas por meio da utilização do mesmo, como se fosse um usuário final. Assim, os testes são executados em ambientes, com as mesmas condições e com os mesmos dados de entrada que um usuário utilizaria no seu dia-a-dia de manipulação do software. Verifica se o produto satisfaz seus requisitos.

Já o Teste de Aceitação de Usuário é realizado geralmente por um grupo de usuários finais do sistema. Esses simulam operações de rotina do sistema de modo a verificar se seu comportamento está de acordo com o solicitado.

Observação: FALHA não é ERRO!

oque

Antes de continuar precisamos esclarecer alguns conceitos relacionados a essa atividade. Inicialmente, precisamos conhecer a diferença entre Falhas, Erros e Defeitos.

  • Falha é o comportamento operacional do software diferente do esperado pelo usuário. Uma falha pode ter sido causada por diversos erros e alguns erros podem nunca causar uma falha.

 

  • Erro é uma manifestação concreta de um defeito num artefato de software. Diferença entre o valor obtido e o valor esperado, ou seja, qualquer estado intermediário incorreto ou resultado inesperado na execução de um programa constitui um erro.

 

  • Defeito é um ato inconsistente cometido por um indivíduo ao tentar entender uma determinada informação, resolver um problema ou utilizar um método ou uma ferramenta. Por exemplo, uma instrução ou comando incorreto.

Voltando…

As principais funcionalidades do Microsoft Test Manager são:

  • Testes Funcionais;
  • Testes Exploratórios;
  • Teste de Usabilidade;
  • Teste de Acessibilidade;
  • Teste de Regressão.

Estes testes podem ser Manual e/ou Automatizado. Detalharemos mais a frente sobre cada tipo de teste descrito acima.

 

Onde obtenho o Microsoft Test Manager?

Ele é instalado com o Visual Studio Ultimate, Visual Studio Premium ou o Visual Studio Test Professional.

Consulte o guia de instalação caso tenha alguma dúvida:

https://msdn.microsoft.com/pt-br/library/dd631902.aspx

 

Quais tarefas podem ser feitas com o Microsoft Test Manager

Permite a criar, executar e gerenciar alguns Testes de Sistema, mas porque alguns? Existem vários tipos os mais comuns são os Exploratórios e Funcionais, mas temos outros como, por exemplo, Testes de Desempenho ou “Performance” que são executados pelo Visual Studio.

O MTM é baseado em casos, planos, ambientes e configurações de teste e permite gerenciar todos os times que estiverem utilizando o TFS (Team Foundation Server).

Acessando o Microsoft Test Manager

abrir MTM conectando

Conectando seu time de projeto
Quando você isnatlar o MTM você nao acessará direto o Team Project, primeiro você deve conectar-se ao projeto do Team Project. Selecione o projeto que é usado para desenvolver o aplicativo em teste e armazenar os seus requisitos ou histórias de usuários. Este é o lugar onde seus casos de testes serão armazenados.

tela-incicial

Após inserir o nome ou a URL do seu Team Project, em seguida, escolha Add. Serão exibidas as colections disponíveis e dentro de cada collection um Team Project.

Team-Project

Para selecionar uma coleção de projeto de equipe, escolha a seta para exibir a lista de projetos da equipe na seguencia selecione seu time de projeto (Team Project).

Será exibido os planos de teste existentes ou você poderá adicionar um novo plano de testes. Em nosso caso temos um Plano ja adicionado, iremos selecioná-lo e clicar em (select plan).

selecionando-plano

Digamos que você não tem nenhum plano para selecionar. Bora lá…

Para adicionar um plano, escolha Adicionar (Add).

A caixa de diálogo Adicionar plano de teste é exibida.

Digite o nome para o seu plano em Digite o nome do plano, e em seguida, escolha Adicionar.

Seu plano agora é adicionado à lista.

add_plano

Existe a opção de conectar este plano com membros da equipe, para isso, selecione Copiar URL para o plano.

Isso copia o URL para o plano que você criou para a área de transferência. Basta colar esta URL em um e-mail e enviá-lo para outras pessoas na sua equipe para que eles possam facilmente se conectar com o plano. Agora você tem um plano, vamos seguir.

Os conteúdos para visualizar o seu plano de teste é exibida.

principal

Para adicionar detalhes a seu plano de teste

Para alterar as propriedades para visualizar para o seu plano de teste, selecione a guia Propriedades.

guia_propriedades

Importante!

As configurações são parte do planejamento e informar o testador o que é necessário. Quando os testes são executados, não há nenhuma verificação de que os testes são realmente em execução nessa configuração. Para salvar as alterações, escolha Salvar e fechar.

Lembrando que na parte superior contamos com algumas “Abas” um menu, com os seguintes itens. PLAN, TEST, TRACK e ORGANIZE. Contamos ainda com um item em especial (TEST CENTER e LAB CENTER)

abas

PLAN – é sua área de planejamento, nossa tela principal;

TEST – onde você executará os testes e checar gerar seus relatórios;

TRACK – conferir as Queries, tarefas pendentes, Bugs não solucionados etc;

ORGANIZE – verificar todos os planos e casos de testes compartilhados e suas propriedades.

Falando do Item TEST CENTER ao clicar na seta lateral você poderá navegar ao LAB CENTER, que permite você gerenciar laboratórios virtuais além das definições de teste que veremos mais a frente.

Chegamos ao fim desta introdução ao Microsoft Test Manager e em nossa próxima postagem iremos colocar a mão na massa, porem estive pensando um pouquinho e gostaria de dar uma dica antes de encerrar. Se você não possui o Visual Studio instalado em seu Computador não é motivo de desespero ou frustração, vamos resolver isso agora.

tela1

Acesse: www.visualstudio.com

Entre com seu login Microsoft (MSN, Hotmail ou Outlook)

tela2

Crie sua conta Visual Studio

tela3

E seja bem vindo!

ATÉ A PRÓXIMA!

#Compartilhe #Motive #Estude #VisualStudio #NetCoders

Veja Também:
Visual Studio para Teste de Software – Introdução

Analista de teste, desenvolvedor .net, instrutor de tecnologias Microsoft desde 1998, desenvolvedor de aplicativos Universal Windows Apps. Agrega em seu portfólio participações em projetos desenvolvidos no: Banco Santander, Cine Roxy, Webnets e Prefeitura Municipal de São Vicente.

Facebook Twitter LinkedIn Google+ Skype 

Comentários

comentarios